Preço do GNV será reajustado

Gás natural receberá aumento a partir do dia 1º

O mês de novembro já inicia trazendo uma novidade nada agradável para aqueles motoristas que costumam abastecer com o Gás Natural Veicular (GNV). É que a partir do dia 1º o preço do combustível será reajustado em 11,08%. O preço do gás que é vendido em média a R$ 3,39, deve aumentar cerca de R$ 0,26 centavos.

Segundo a Sergas, a nova tabela é resultado do repasse do reajuste do custo do gás confirmado pela Petrobras de 13,65% que refletiu em reajuste na tarifa do GNV de 11,08%. Antes dessa tarifa que passará a vigorar no dia 1º de novembro, o valor praticado pela Sergas sem adições de impostos era de R$ R$ 1,6025 e a partir do mês que vem será de R$ 1,7800

A Sergas informou ainda que a política nacional de preços praticada pela Petrobras para o Gás Natural canalizado prevê o reajuste trimestral, diferentemente da Gasolina e do Diesel que sofrem variações diárias. O reajuste do Gás Natural canalizado é baseado na variação da cotação do dólar e do preço internacional do petróleo.

O motorista Rodrigo Silva conta que acompanha o preço do GNV pois é consumidor há muito tempo do produto. “Como sou motorista, optei pela instalação do kit de gás no meu veículo por ser um combustível econômico e barato. Mas desde o início do ano para cá o valor já aumentou mais de R$ 1. Então, para quem anda muito, os constantes aumentos acabam interferindo no planejamento financeiro. O valor do gás está tão alto que está cada vez se aproximando do valor do álcool, então, aquela economia que de antes não está mais valendo por conta dos constantes aumentos”, comentou.

 

Sobre o assunto, o Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Sergipe (Sindpese) se manifestou e disse que Sergipe “já acumula em 2018 aumentos na ordem de 31,37%. O repasse por parte dos revendedores deverá impactar nas bombas em torno de R$0,26”, disse a nota.

Jadilson Simões.

Comentários